quarta-feira, 1 de junho de 2011

vídeos educativos contra a homofobia que foram proíbidos - o "kit-gay"

Veja os vídeos educativos produzidos pelo MEC contra a Homofobia, os vídeos que ficaram tachados por "kit-gay" e foram proíbidos, assista logo antes que censurem eles na internet também! Click nas figuras ou links abaixo:


vídeo 1: http://www.youtube.com/watch?v=2vfxsoFFXGc


vídeo 2: http://www.youtube.com/watch?v=ifl9-teJ5hA&feature=related


vídeo 3: http://www.youtube.com/watch?v=8HkDnqeTMWQ&feature=related


Eu tenho que confessar, não sou gay, mas não suporto este clima de discriminação, preconceito e opressão, enfim, de homofobia!

Tanta mobilização por ódio, rancor, medo, opressão e repressão. Eu respeito a religiosidade de todos. Mas é triste imaginar um Deus, um ser superior e supremo, baseado em fundamentos tão tristes e tão pouco solidários com as vontades, sonhos e desejos de seus filhos.

Qual família eles defendem? A família baseado no papai, na mamãe e nos filhinhos? Qual é a realidade da verdadeira família brasileira?

Escondem e reprimem a realidade das mães solteiras e dos casais separados, que dão o sangue para segurar a onda de se manter uma família.

Não aceitam que um casal, seja de lésbica ou de gays ou qualquer uma outra opção sexual, diferente da heterosexual, que tenham filhos (sim lindos e adoráveis filhinhos) possam ser também uma família!

Talvez até prefiram a família marcada pelo machismo, pela submissão da mulher perante a violência do homem, da bigamia disfarçada do homem e construída a partir do ódio e preconceito ao diferente. Como diz o terceiro vídeo, quem não é diferente!

Bom, quanto aos vídeos, eu gostei mais dos dois últimos. Mas assista todos! Também permita que os seus filhos tenha acesso a este material e converse com eles sobre tudo isto que vem acontecendo em nossa sociedade.

E já que eles censuram os vídeos nas escolas, poderíamos aproveitar para divulgar intensivamente pela rede para que os filhos destas pessoas e todos mais possam ter uma outra opção!!!



Nenhum comentário: